Obras: Como sobreviver?


Se está a pensar começar uma obra há certas perguntas que são fundamentais para que não fique nada por dizer e especialmente para evitar desentendimentos que lhe custem mais dinheiro e mais tempo!

''Uma obra demora o dobro do tempo previsto e custa o dobro do combinado''

Errado!!!

Se formos pessoas atentas, interessadas e bem informadas isto não é verdade; e se especialmente vai fazer a obra sem um arquitecto ou designer de interiores há certas perguntas que não pode deixar de fazer ao seu empreiteiro:

  • Fale-me sobre a sua empresa, posso ver alguns trabalhos recentes?

  • Quantas pessoas vão estar a trabalhar na obra e quantas vão estar a super visionar?

  • Consegue me dar um timing de obra?

  • Que garantias me pode dar ?

  • Qual é a rotina e horas de trabalho habituais para uma obra destas?

  • Qual é o valor total e o que engloba e em que fazes o devo executar?

  • Para esta obra quais são os materiais, algum é perigoso, tóxico....?

  • Temos todas as autorizações que precisamos?

  • Os seus trabalhadores tem seguro?

  • Podemos por todas estas informações por escrito?

Outras dicas que lhe vão poupar desentendimentos: Fale sempre por email - caso tenha alguma conversa cara-a-cara ou pelo telemóvel certifique se de enviar assim que possível um email a confirmar por escrito o que foi falado! Seja uma pequena ou grande decisão. Peça sempre para ver amostras de tudo - mesmo que lhe mostre uma parecida certifique se que vê o material que vai usar! Visitar a obra regularmente - desta forma erros ou falhas na obra podem ser apanhadas a tempo de serem corrigidas! Antes do pagamento final faça um vistoria com o orçamento na mão e assim fazer um checklist e ter a certeza que está tudo exactamente como era suposto.

Atenção! Podem haver enganos, erros ou falhas como em tudo na vida, o importante é confiar em quem contrata por isso mais vale perder tempo e procurar alguém em quem sinta confiança do que ter vários problemas e mal entendidos durante a obra.