Design on a budget #Antes e Depois - O meu quarto!

August 19, 2019

 

O meu quarto foi dos espaços mais ''abandonados'' do inicio da nossa casa. 

Na realidade parecia ter tudo aquilo com que toda gente sonha: espaço, luz e arrumação.

 

Ao ser quase a descrição de um sonho, acabámos por nunca fazer nada dele e aos poucos fomo-nos focando noutras divisões.

 

Em abril acordei um dia e olhei à minha volta, o nosso quarto com todas as melhores características do mundo, era na verdade um espaço vazio, sem graça e muito impessoal. A questão é que toda a minha vida fui apologista dos quartos brancos, clean que representavam calma e serenidade, um refúgio para o final do dia e eu sabia que isso não ia funcionar aqui. O espaço é muito grande (tem 18 m²!) e tem duas janelas que deixam entrar muita luz, o que em termos de decoração torna muito difícil fazer deste quarto um espaço acolhedor e confortável. 

 

Foi aí que decidi que iria arriscar como nunca pensei fazer (pelo menos no quarto) e iria pintar o quarto num tom escuro. 

 

O resto já sabem: é o que está nos posts passados!

 

Ficámos com as amostras na parede quase um mês porque achei que para tomar esta decisão era preciso ter a certeza qual a cor certa e acima de tudo ver as amostras ao longo do dia e em vários cantos do quarto, para ver como a cor se comportava com a mudança da luz durante as várias fases do dia!

 

O mais engraçado é que tanto o António como eu achámos que seria sempre o verde o escolhido, mas quando vimos o azul na parede e pelas várias mudanças de luz, não tivemos dúvida que a cor escolhida seria o azul!

 

 

 

 

 

 

 

FICHA TÉCNICA

 

SOBRE O ANTES 

 

- Mantivemos a cama, da La Redoute que tinha sido comprada já para a casa nova.

- Mantivemos as mesas de cabeceira da loja Ikea que já têm 7 anos, mas estão impecáveis, os puxadores são Zara Home.

- Infelizmente os espelhos sairam porque tiveram um acidente (foi a maior baixa deste projecto), eram vintage comprados numa loja de velharias de Lisboa.

- Gastámos cerca de 200€ total com tintas compradas no aki, o trabalho do pintor e elementos decorativos, basicamente com tudo aquilo que adicionamos extra. 

 

1/3

 

 

O QUE FIZEMOS: 

 

- Decidimos pintar todas as paredes, ainda ponderamos pintar só a parede da cabeceira da cama.

- Criamos uma gallery wall para cima da cama com posters, desenhos e cartas que estão relacionadas com a nossa história. 

- Escolhi um tecido com algum padrão e fiz um almofada comprida para ter algum impacto visual. 

- E fiz um styling muito simples, com apoio em materiais naturais como as plantas e em apontamentos modernos tanto na linhas das peças como nos materiais escolhidos. 

 

 
Na cama, a almofada grande com padrão é da Barbara Osório Fabrics e confere a cama um ar mais tribal, com cores quentes e que contrastam bem com a parede, as almofadas pequenas em algodão são Pedroso & Osorio, as mesas de cabeceira que ja tinhamos são Ikea com puxadores Zara Home. A planta que escolhi para purificar o ar é uma Ficus lyrata, e é linda é da Viplant, tal como o cesto em palhinha. 

 

 

 

Em cima, espelho e candeeiro Fusion Design e conjunto copo e mini garrafa Zara Home.

 

 

 

Por cima da cama, na nossa gallery wall fui muito selectiva no tipo de coisas que iria colocar. À parte do espelho da Zara Home, que é meramente decorativo, todos os outros elementos têm de uma forma outra uma ligação à nossa história pessoal. 

 

 

 A capa de edredon foi comprada na feira de cascais, tem um tom blush que completa imenso o espaço e é em linho que é um dos materiais que mais gosto!

 

 

 

 

Uma das peças que mais gosto é um toucador que herdei da minha avó, tem umas linhas muito diferentes dos tocadores antigos que se vê, tem arrumação e adoro que o mármore seja alaranjado e que em termos de profundidade não seja muito grande.

 

O banco veio do lixo ehehe.

 

 

Ainda no tocador, optei por colocar um tabuleiro da Zara Home com padrão terraza para quebrar o espirito mais antigo e pesado, e porque gosto de ter elementos que estariam à partida soltos em cima de uma mesa mais organizados, neste caso optei por umas peças de família em prata que andam comigo desde a primeira casa.(*) 

 

*DICA

 

Eu uso sempre pasta de dentes para limpar as minhas pratas, coloco um pouco e com papel ou com jornal esfrego até sair o preto. 

 

 

 

Em termos de arrumação de quarto também fizemos algumas decisões que fazem mais sentido até em termos de logística para o dia a dia, como é o caso desta cómoda que passou para a parede em frente aos pés da cama e que está perto do meu tocador, por isso optei por sobre a cómoda, os cremes do António (é para ver se ele se lembra de usar ahah) os cremes são Kiehls, também estes produtos estão sobre um mini tabuleiro de mármore verde da Zara Home.

 

 

 

And that's it!!! Aqui está o nosso quarto novo!

 

O que acham?

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque