Olá Dezembro, seja bem vindo.

December 2, 2019

O meu dia 1 de Dezembro não contou.

 

Estive no Winter Market da Stylista - que diga-se de passagem correu muito bem - e por isso só hoje segunda feira consigo começar, à seria o mês maravilha, Dezembro.

 

Para variar estou à 2 meses a fazer natais para marcas, clientes e amigos mas cá em casa, nada. Já tenho crianças a refilar e até a mim me faz falta entrar em casa e ter o cheiro do pinheiro fresco, do musgo, ter as luzinhas a piscar e claro, as músicas do costume a tocar em loop. 

 

Este ano o natal não é cá em casa e apesar de muitos de vocês estarem a suspirar '' que sorte'' desse lado, confesso que a mim não me soa a sorte. Gosto muito de receber e ainda mais receber no natal. Criar um espírito mágico, criar sensações e emoções, dar a volta a casa de tal forma que não é a minha casa, mas naquela noite, a casa de todos nós ali presentes. É mágico.

 

Sim, eu sei, dá imenso trabalho, mas sabe tão bem. 

 

Ainda que não seja cá a consoada tenciono tornar esta casa um verdadeiro Christmas Wonderland, mas se pensam que isso significa apenas montar uma árvore estão redondamente enganados!

 

Cá em casa é - go big or go home - literlmente. 
 

 

Duas coisas que tenho sempre de ter :

- A árvore, claro.
- Uma instalação de flores frescas e com cheirinho a natal!


Na instalação - e para responder às perguntas recorrentes - uso quase sempre os mesmos verdes porque sei que eles duram! Cedro, pinheiro, se possível o nórdico que dura mais. Depois introduzo alguns elementos que sei que compõem visualmente mas que também duram! Aqui usei pampas, amaranthos e urze.

A outra pergunta recorrente é como é que ponho as instalações, e aí é que a história se complica! É que na realidade eu sou aquele género de pessoa que passa o dia de martelo na mão a pregar pregos sem dó nem piedade. Mas existem soluções bem mais eficazes, como os puxadores de vácuo ou cola dupla, que podem sem suporte para as grinaldas, coroas e todo tipo de decorações!  Tipo isto.

A verdade, é que para mim basta estes dois elementos maiores e depois alguns apontamentos pela casa, do que encher tudo de acessórios, gastar uma fortuna e depois a casa só ter tralha!
 

Na imagem, manta Nuage Wool, almofadas Fusion e cedro Viplant

 

 

Para esta produção de natal, a que vemos nas fotografias usei um cedro como árvore de natal, porque ainda não era altura de natal, mas existem muitas opções de árvores de natal frescas/verdadeiras ou falsas quase reais em vários locais como hortos e mercados de rua. Eu pessoalmente opto sempre por ir a Viplant em Oeiras, porque sei que consigo sempre o pinheiro nórdico, que é o meu preferido, sempre com um formato giro e muito bem tratadas!

 

Mas tal como na imagem podem sempre fugir ao pinheiro e optar por cedros, magnólias, arbustos e até catos porque com luzes e decoração uma árvore de natal por ser qual quer coisa!

 

Agora é pegar no que tenho aqui nas inspirações, pegar no carro escolher a árvore e seguir caminho pra decorar a minha casa para este mês maravilha.

 

Cheia de vontade.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Paris, o que vem, o que vai e o que fica.

January 27, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes

December 10, 2019